Páginas

sábado, 21 de abril de 2012

Por um instante...

...e eu te quis
   tive.
   Te amei
   só.
   Tu pousaste ao meu lado
   ficaste.
   Ouvi tua voz e
   ela me chamava
   feito
   grito de amante em delírio.
   Repousaste a cabeça
   em meu seio e adormecias.
  Nada era tão belo....

Um comentário: