Páginas

quinta-feira, 1 de dezembro de 2011

Já amado...

Seja bem vindo vigésimo Dezembro.
Chegue e me anime com sua irrealidade lúcida, me envolva com seu cheiro  diferente, me embriague com seus ventos frios e delicados.
Me faça sorrir, me faça chorar. Me tire do mesmo, do igual, do cansativo e do caos.
Entre em mim com mais amor que antes...
Me deixe inerte com sua forma maravilhosa e  inimaginável. Venha e traga o diferente para a rotina, o som das novidades, o cheiro dos amores.
E quando você acabar, esperarei com mais ansiedade ainda o próximo que virá e acordarei  meia noite do dia anterior para te esperar de braços, alma e coração abertos.



* Vi você nascer pela primeira vez de muitos...
Então seja belo, doce, amável
meu já amado Dezembro!

3 comentários:

  1. Oi, Vanessa, bom dia!!
    Que texto mais lindo! Coisa linda mesmo!
    Ótimo que agora você saiba contar vinte. Mas, maravilhoso mesmo é que, tendo chegado até essa conta, tenha aprendido também que viver é doce, e que dezembros são nossos irmãos de alma e contradição: ele deseja tanto chegar, mas, quando chega, quer que seus trinta dias durem por trezentos!
    Um beijo carinhoso
    Leo

    ResponderExcluir
  2. Que seja assim, flor, bem lindo o teu dezembro!

    =)

    Um beijo.

    ResponderExcluir
  3. Aaaaa...
    Dezembro - Antes apenas mais um mês pra mim, hj, po sua causa, um mês mais valorizado e q passei a gostar mais do q outros.

    Obrigado.

    ResponderExcluir